RONDÔNIA

Bancada da PF no Congresso pode ser a maior da história: em RO comunidade é mobilizada

Para Bosco da Federal, ainda não é possível falar sobre candidatura envolvendo o nome dele, porém  faz questão de deixar bem claro seu irrestrito apoio aos agentes federais em todo o país que já estão se articulando para pleitearem cadeiras no Congresso Nacional.

Às vésperas de um pleito que poderá definir drasticamente o rumo social e  político do Brasil, agentes da Polícia Federal em todo o país estão mobilizados em torno de uma proposta que vem ganhando força, aumentar a representatividade da PF dentro do Congresso, garantindo assim o sustento à ações de combate a improbidade e o andamento sem influências políticas da operação Lava Jato.

No estado de Rondônia, localidade com um dos maiores índices de operações da PF em todo do país, o agente da PF, Bosco da Federal, vem se tornado uma referência entre a categoria e um respeitado nome político, com um perfil sério, Bosco já desempenhou papeis de liderança na secretaria de segurança pública, além de assumir a cadeira de vereador e presidente do Instituto de Previdência na capital rondoniense.

Especialista em inteligência, Bosco coordenou a segurança da realeza inglesa em visita ao Brasil, trabalhou na segurança do papa João Paulo II e desempenhou atividades humanitárias em nome do estado brasileiro no Haiti. Currículo que em em meio à um cenário turbulento na política local, o coloca como um dos nomes mais confiáveis em uma possível disputa eleitoral.

Para Bosco da Federal, ainda não é devido falar sobre candidatura envolvendo seu nome, porém ele faz questão de deixar bem claro seu irrestrito apoio aos agentes federais em todo o país que já estão se articulando para pleitearem cadeiras no Congresso Nacional.

“Deixo meu apoio aos agentes da pátria que assim como eu serviram e ainda servem aos interesses do povo e da nossa nação, é necessário pessoas comprometidas com a dignidade da comunidade e o respeito aos preceitos da Constituição. Acredito que o estado de Rondônia precisa de representantes públicos com esse perfil”, afirmou Bosco da Federal

A consciência do eleitor será avaliada em 2018, nomes enlameados por denuncias de corrupção e até condenados por atos de improbidade estarão na disputa às vagas de representantes públicos. Para Bosco da Federal é necessário que o povo mostre através das urnas a maturidade política que o Brasil tanto precisa para mudar essa condição.

“Conto com o apoio da sociedade civil organizada e os grupos de mobilização política que abracem essa causa e consigam iniciar um novo trajeto ao estado de Rondônia e ao Brasil, acabando com a cultura da corrupção, prendendo ladrões do dinheiro público e investindo todo o empenho nas ações diretas de melhorias da qualidade de vida da sociedade e fortalecimento do estado”, falou Bosco da Federal.

A campanha nacional de apoio para o aumento da bancada da Polícia Federal no Congresso Nacional está viralizando nas redes e contando com a adesão da comunidade, com a hashtag #PFnoCongresso internautas vem compartilhando o apoio à operação Lava Jato e as centenas de ações da PF no combate à corrupção dentro das instituições do país.

Fonte: Assessoria

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais acessadas

To Top