Eleições 2018

PSB, PT, PDT, PCdoB, REDE E PSOL SERÃO OS PARTIDOS PREFERIDOS EM 2018

Jesualdo Pires, prefeito de Ji-Paraná

PORTO VELHO-  Com o avanço da Lava Jato em cima do PSDB e PMDB, levando a reboque o PR, PP, PV, PTB, PPS e DEM, os partidos que não estão apoiando o governo Temer podem se dar bem em 2018.

O PSB que recentemente abandonou o governo, digamos assim, em tempo, cresce na aceitação popular. Está cada vez mais difícil  Michel Temer permanecer no cargo. Com a popularidade despencando dia a dia, Michel Temer pode enterrar não só sua carreira política, mas a de muitos aliados Brasil afora.

Eleições em Rondônia

No caso de Rondônia, o desembarque do PSB do governo federal significa que o ex-prefeito de Porto Velho, Mauro Nazif poderá pleitear sem medo a sua volta à Câmara Federal. Melhor ainda para o prefeito mais bem avaliado de Rondônia, Jesualdo Pires, de Ji-Paraná, que poderá escolher entre o governo ou o Senado Federal. Jesualdo é considerado o melhor prefeito de Rondônia dos últimos tempos.

O PT que, embora tenha um ex-presidente na iminência de ser condenado por um crime que não cometeu, também tem chances de eleger o governador de Rondônia ou um senador da República. O nome mais forte da legenda é o da professora e ex-senadora Fátima Cleide.

O PDT tem como figura de proa o senador Acir Gurgacz, virtual candidato ao governo de Rondônia. O que pesa contra ele é o fato de ter votado a favor do impeachment mesmo reconhecendo que a ex-presidente Dilma não cometeu crimes.

O PCdoB de Rondônia vai lutar para eleger um deputado estadual ou federal, assim como a REDE e o PSOL. Estes partidos ainda não conseguiram emplacar um candidato vitorioso nas últimas eleições, mas possuem grandes nomes.

 

Mais acessadas

To Top